Tarifas e Preços

As tarifas reguladas de venda de gás natural a clientes finais acabam no final de 2012 para todos os consumidores.

Até ao final do ano corrente, todos os consumidores de gás natural, sejam empresas ou famílias, devem procurar um novo comercializador no mercado.

O calendário definido recentemente pelo Governo fixa duas fases para a extinção das tarifas reguladas que ainda subsistem:

1ª fase – a partir de 1 de Julho de 2012: acabam as tarifas reguladas para as pequenas empresas e os grandes agregados familiares, ou seja, para os consumidores de gás natural com um consumo anual superior a 500 m3.

2ª fase – a partir de 1 de Janeiro de 2013: acabam as tarifas para todos os consumidores de gás natural, incluindo os pequenos consumidores, isto é, os consumidores de gás natural com consumo anual até 500 m3.

O fim das tarifas reguladas significa que os preços de venda de gás natural aos consumidores finais deixam de ser fixados pela Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE), passando a ser definidos pelo mercado.

A conclusão do processo de liberalização do sector energético  do gás natural significa que, apesar de há muito terem essa possibilidade, todos os consumidores deverão escolher um novo comercializador de gás de entre os disponíveis no mercado.

O processo de mudança de comercializador é gratuito e é accionado assim que o consumidor contactar e contratar um novo fornecedor de energia.

Os consumidores devem estar atentos às ofertas comerciais das várias empresas fornecedoras de electricidade e gás natural que estão a operar no mercado e poderão ainda consultar as listas dos comercializadores a actuar no mercado no site da ERSE e no site da DGEG.